Inspirações Candy Colors

 

 

OsTons.CarolLabaki

Candy Colors, ou tons pastéis, vieram para ficar. Seja na moda, decoração e até nas makes. Particularmente são cores que me inspiram. Não somente por causa dos cupcakes, macarrons e outras guloseimas que amo, mas porque são tons que transmitem uma paz de espírito muito grande. Faz mais ou menos um ano que tenho garimpado peças candy para comprar. Os tons que mais amo são o menta, azul bebê, lilás, creme e o próprio nude, que entra em algumas paletas. Na foto abaixo elas aparecem tanto no look como na minha sala de visitas.

 

Minhas últimas aquisições foram estas blusas de malha com  gola padre de uma marca chamada Allan Park, que comprei em uma promoção de uma loja no bairro do Itaguá, em Ubatuba.

 

Agora, vejam  abaixo que inspiração bapho de make que recebi de uma assessoria de imprensa.

288258_620255_alexbatista_ckamura_pastel_05724_copy_2_menor__novo_bronze_web_

Créditos- Fotos: Alex Batista; Edição: Vânia Goy; Cabelo: Celso Kamura, Maquiagem: Max Weber; Styling: Fernanda Ary

Novo Bronze

Experimente deixar o pó bronzeador na gaveta por alguns dias e finalizar a pele com um blush bem rosado. Fãs de batons cor-de-rosa têm uma nova tonalidade para testar: o lavanda.
Segredo: aplique o blush só na frente do rosto, na região redondinha que aparece quando você sorri.

Já quero e preciso muito de um batom lavanda. Aceito indicações de marcas, meninas.

Bom, espero ter adocicado vocês também e me falem sobre as cores e peças que mais atraem vocês neste mundo candy. Beijos!

 

 

 

 

 

 

 

Um caminho diferente te leva a Campos do Jordão

Olá, pessoal

O frio que anda fazendo esta semana me lembrou que eu estava devendo um post que deveria ser escrito até o fim do inverno.

Se você estiver em São José dos Campos e deseja ir para Campos do Jordão existe uma estrada muito agradável que te leva a este destino, com direito a belas paisagens e ainda a oportunidade de conhecer a simpática Monteiro Lobato, cidade onde o escritor passou uma parte de sua vida. Estou falando da SP 50. Repare na beleza deste túnel de árvores. Dá uma sensação de calmaria!

 

FullSizeRender (3)

 

Talvez para muita gente que mora no Vale do Paraíba não exista novidade no que estou contando, mas como tenho leitoras (es) de outros estados que adoram conhecer lugares diferentes, acho que a dica é válida.

Do centro de  São José dos Campos até  Monteiro Lobato são cerca de 40 a 50 minutos. A pequena cidade é muito graciosa e tem várias lojinhas  de artesanato. A   maioria vende bonecos de pano fofos que retratam os personagens do Monteiro Lobato. Estes encontramos na  Casa Encantada. Os amantes da literatura e as crianças piram!

 

IMG_4415IMG_4414

Seguindo nossa viagem, mais uma hora de estrada e chegamos a linda Campos do Jordão, que dispensa apresentações. Como foi um passeio em família de um dia, nos programamos  para conhecer o tão esperado Parque Amantikir, que reproduz jardins de várias partes do mundo. Pagamos R$ 30, 00 pelo ingresso, mas valeu muito a pena. O lugar rende clicks maravilhosos. Olha a vista que se tem da Serra da Mantiqueira!

IMG_2200

img_1785

img_1786
Depois de uma pausa para o almoço na charmosa Capivari, enquanto meu marido e minha enteada se aventuravam em um passeio de teleférico, fui visitar as malharias e comprar umas roupas.  No final do dia paramos para comer o tradicional “Pastelão do Maluf”. O nome do estabelecimento não me agrada, mas, fazer o que né?  Ele é tão grande que não consegui comer inteiro.

img_1787

Bom, espero que tenha gostado do meu roteiro turístico e continue passando por caminhos diferentes, mesmo que eles te levem  a lugares que você já conhece.

Beijos encantados e um ótimo final de semana!

Minha experiência com a tatuagem de Henna

Olá, gente do bem!

Tenho plena convicção de que o nosso corpo fala, seja por meio de uma tatuagem, uma make, unhas feitas ou um look. Sou do tipo que quando estou feliz uso minhas cores favoritas e me embelezo. De baixo astral fico sem vontade de fazer nada e pego a primeira roupa que me aparece no armário.

Tenho 3 tatuagens definitivas e pretendo fazer mais umas 2 pelos menos. Enquanto isso não acontece, vou conhecendo outras opções. Em junho, as  integrantes do  Blogs do VP foram convidadas para uma experiência com a tattoo de Henna na perfumaria Rivolí, em São José dos Campos, e eu e a linda amiga e parceira do grupo Jana Moraes resolvemos abraçar a ideia.  Ficamos ainda mais ansiosas depois que ficamos sabendo que o trabalho seria realizado pela expert Adriana Morais, que dias antes desse  evento havia participado do programa Encontro, da Fátima Bernardes. Então nos jogamos, sem medo de ser feliz.

img_1728

Jornalista inquieta que sou fui buscar mais informações. Existem muitas curiosidades a respeito dessa arte e vou destacar duas. Por mais de 5 mil anos a henna tem sido um símbolo de boa sorte para proteção contra as más energias e como símbolo de sensualidade no mundo árabe. Nas datas especiais, como festas e casamentos, as mulheres costumam se adornar com esta tinta natural e esconder a inicial do marido entre os desenhos para que ele encontre na lua de mel. Romântico, né?

img_1727
Eu optei por um desenho mais delicado, que começava nos dedos e ia até o pulso. Desastrada que sou, borrei uma vez e a simpática Adriana fez com a maior boa vontade um retoque na minha tattoo antes mesmo de secar. Se eu amei o resultado? Claro! No momento que você faz ela fica preta, conforme vocês podem conferir abaixo.

 

img_1723

img_1724

Para que não desbote facilmente, você não deve molhar pelo menos umas 12 horas após o trabalho. Eu cobri a minha com papel filme na hora de tomar banho, mas a Adriana pode indicar outras maneiras de proteger a tattoo. A minha durou uma semana e depois que as casquinhas de tinta saíram ela ficou com uma tonalidade terrosa. Como ansiedade “mata” a gente, tirei  o excesso de tinta que ainda restava  2 dias depois com a ajuda do azeite de oliva, conforme orientação da tatuadora.

img_1738

Não me lembro o valor que ela cobra em média, mas não é caro. Como a técnica tem tudo a ver com feminilidade, que tal agendar para um grupo de amigas no dia do chá de cozinha?  Fica a dica!

Vocês podem entrar em contato com a Adriana por meio do perfil do Instagram @adrianamoraismua , onde há também inspirações maravilhosas de desenhos feitos pela profissional.

Meu  agradecimento também a Katia Santos, do Marketing da Rivolí, sempre atenciosa com as blogueiras e que me autorizou a usar algumas fotos feitas por ela.

img_1741
Um beijo e esperam que tenham gostado!

Muitos motivos para amar as sapatilhas

Olá encantadas

É leve, confortável, combina com vários looks, tem um solado fino e toda mulher tem pelo menos um par no seu armário. Se você logo de cara pensou nas sapatilhas, é porque também faz parte do time de fãs desse modelo de sapato tão delicado, universal e democrático. Tem para todos os gostos, bolsos e faixas etárias. De couro, tecido, plástico, cores e estampas infinitas. Sem contar que combina com quase todas as peças que temos em nosso guarda-roupa.

A ideia de fazer este post surgiu quando a Aline, minha prima, me procurou para fazer uma parceria. Papo vai, papo vem, fui buscar referências na internet e conheci um pouco da história desse calçado, que eu não sabia e você também talvez não conheça. As sapatilhas fazem parte do universo feminino há muito tempo. Surgiram no século XVI na corte francesa, com a prática do ballet clássico, e foram evoluindo gradativamente.

A marca francesa Repetto criada em 1947 por Rose Repetto, que era mãe do bailarino Roland Petit, foi criada inicialmente para produzir calçados e acessórios para bailarinos.
Em 1953, no filme “A princesa e o plebeu”, Audrey Hepburn aparece de sapatilha e no ano seguinte,no filme Sabrina. Três anos depois Brigitte Bardot, que também era bailarina teve um par de sapatilhas da marca Repetto feito para ela no filme “E Deus criou a mulher”. A ideia era ter um sapato que pudesse atendê-la tanto no trabalho quanto em seus momentos de lazer.
brigitte e audrey
A marca existe até hoje, tem as sapatilhas mais famosas do mundo, porém não é qualquer uma de nós que pode dar-se a esse luxo, já que um par custa quase o equivalente a mil reais. O modelo Cendrillon (foto abaixo) criado para Brigitte é usado até hoje e replicado por inúmeras marcas de calçado.
sapatilhas 11
Eu tenho pelo menos uma meia dúzia de pares em minha sapateira e é sem dúvida nenhuma o meu modelo de sapato  preferido para trabalhar.
Estas lindezas bicolores recebi da minha mais nova parceira de trabalho aqui no blog. Além de amar listras, fiquei encantada com o detalhe de veludo nas laterais. Ainda não as usei, mas depois mostro meus looks com elas, tá?
image
 Os modelinhos abaixo também são uma graça e estão sendo vendidos a um preço bem convidativo. Se você mora em São José dos Campos  a Aline vai até a sua  casa. Ela trabalha com a numeração do 34 ao 39, e se não tiver na hora o modelo desejado encomenda e em poucos dias você terá o seu par de sapatilhas. Estou deixando o telefone dela aqui, que também está conectado ao WhatsApp : 12 99662-7402.
image
Bom meninas, esperam que tenham gostado e me mostrem os seus modelinhos preferidos de sapatilhas. Vamos interagir no insta ( @blogcupcakencantado) e no snapchat ( @encantadocupcak).
Beijos e até o próximo post.

Tratamento pós descoloração com produtos Coiffer

Olá encantadas

Hoje  vou contar para vocês como foi minha primeira experiência com produtos para cabelos da COIFFER, empresa parceira do blog. Gostaria muito de agradecer a marca de cosméticos profissionais por ter acreditado no meu trabalho. Recebi 3 kits sensacionais e mais um lançamento para testar  que me deixou encantada só de olhar para ele- um creme de reconstrução capilar e retexturização chamado CUPCAKE. Ele também controla e redefine os cachos. Para meu delírio o creme tem cheirinho de baunilha, mas não é para comer, tá minha gente? rs


Produtos para cabelo com química preciso testar pelo menos um mês consecutivo para tirar minhas conclusões a partir dos resultados do tratamento. Então vamos lá: quem me conhece sabe que estou mais loira do que nunca. Em maio abusei das luzes.  Então, para começar, decidi usar o shampoo, condicionador e máscara Texano, da linha cliente “Volta ao Mundo”, indicada para processo pós descoloração capilar. Os produtos prometem reestruturar e fortalecer os cabelos da raiz às pontas. Nos dias de semana usava o shampoo e condicionador e nos finais de semana o shampoo com a máscara, de forma que ela ficasse em média 10 minutos para absorver o produto e intensificar a hidratação. O creme de reconstrução usei antes do secador, mas você pode também usá-lo com o cabelo ao natural, desde que esteja úmido.

Os resultados foram além do que eu esperava: Meu cabelo está mais macio,  com brilho, o frizz e  volume diminuíram;  e agora a melhor notícia: nunca desembaraçou tão fácil. E isso sempre foi um problema para mim, que passava horas em frente ao espelho para desfazer tantos nós. Agora uma dica: o creme CUPCAKE é muito concentrado, então coloque um pouquinho na palma da mão e espalhe por toda a extensão do cabelo. A primeira vez exagerei e ele ficou muito oleoso.

Em breve vou testar os outros produtos e fazer resenhas. A linha cliente pode ser adquirida por meio de representantes de vendas da marca em todo o Brasil.  E vocês meninas, já usaram algum produto da COIFFER? Comentem aqui o que acharam. Caso vocês tenham interesse em conhecer a marca acessem o site Coiffer ou acompanhem as novidades no perfil da marca no Instagram: @coiffercosmeticos.

 

Comidinhas deliciosas para o inverno

Como estão  vocês?

Tudo bem que o frio veio para valer este ano, porém o inverno começa oficialmente na próxima segunda-feira. Então, quero compartilhar com vocês algumas sugestões de pratos que além de aquecer são perfeitos para reunir a família e amigos em casa, que acaba sendo o lugar mais aconchegante para a gente ficar no inverno.

Hoje existem vários locais que servem caldinhos aqui em São José dos Campos, mas o self service não me atrai. Gosto de pratos individuais, que são feitos com mais zelo. O Caldinho da Joana é o mais tradicional da cidade. Existe há mais de 15 anos e tem unidades na praça do igreja do São Dimas e no Jardim Satélite. Meus sabores preferidos são de feijão, mandioquinha e o mexicano, porém existem quase 20 variedades.

IMG_3993.

Outra iguaria deliciosa que faz parte da culinária  regional do Vale do Paraíba é o bolinho caipira. E se a receita de  cada cidade tem uma particularidade, a do meu marido também tem lá seu segredinho. Mas a gente conta para os amigos, tá?


Agora, um prato que não pode faltar no meu inverno: pinhão refogado. Quando saboreei uma porção num restaurante de Santo Antonio do Pinhal foi amor à primeira mordida. Só é preciso ter uma boa dose de paciência para descascar o pinhão depois de cozido. Depois é só refogar no azeite , com cebolinha e alho crocante.


O fondue é uma unanimidade- difícil quem não goste. E dá para encontrar no mercado preparados de   bons queijos com valores que variam  de R$ 20,00 a R$ 50,00. Agora uma dica: sempre coloque uma taça de vinho branco seco para dar mais  cremosidade.

Espero que tenham  gostado. E vocês, que pratos apreciam no inverno?

Workshow Solidário

Olá  encantadas

Ainda sou nova no mundo bloguístico ( em julho completo 1 ano), mas neste tempo  já deu para perceber que a Danny Cosméticos é uma empresa que valoriza blogueiros.  Já fui a 3 eventos promovidos pela empresa, que  percebeu o potencial dos digital influencers como formadores de opiniões. O último ocorreu no final do mês de maio,  em Americana, interior de São Paulo, onde a companhia mantém negócios. Na cidade onde moro, que é São José dos Campos, também existem unidades da empresa.

Em primeiro lugar gostaria de agradecer o convite da Natália Nascimento, minha amiga, parceira no Coletivo Blogs do VP e autora do blog Estilosos no Metrô. Desta vez fomos prestigiar o Workshow Solidário, que reuniu palestra com o master coach Rogério Menossi, apresentações e demonstrações de maquiagem, cortes e penteados. Foi tudo tão perfeito que nós e outras blogueiras de várias regiões do Estado, fomos recebidas pessoalmente pelas super  simpáticas proprietárias da marca, Mariella e Lurdinha, com direito a camarote VIP. Como não se sentir especial, né? Algumas  fotos que tirei do celular ficaram muito escuras, só por isso estou “roubartilhando” algumas, tá Danny?


Adorei a apresentação performática da Vult, intitulada A Evolução da Maquiagem, uma viagem  do Egito Antigo até os dias atuais.


Já a Maybelline apresentou aos convidados a linha Fit Me, criada exclusivamente para atender as diversas nuances de pele da mulher brasileira. Gente, só cores de base são 19. Fiquei muito curiosa para conhecer detalhes e assim que tiver mais informações, repasso para vocês.

Já a Taiff e Proaart fizeram demonstrações de penteados mara com os secadores baphonicos da marca, que também podem ser conferidos na última edição da Taiff Mag. O passo a passo está no aplicativo da revista, que pode ser baixado gratuitamente. Com certeza a ferramenta da marca  já fará parte do meu dia a dia. Vejam que luxo este cabelo preso!

image

Além da Danny, gostaria de agradecer de coração  a todas empresas parceiras que nos presentearam.

image
Outra coisa super bacana é  que mais de R$ 20 mil arrecadados no evento, direcionado  aos profissionais do setor de beleza,  foram revertidos ao Fundo Social de Solidariedade de Americana.

Bem, esperam que tenham gostado das novidades e até o próximo post.

Beijinhos

 

Especial Gramado- Comprinhas

Olá gente do bem!

Chegamos ao 4º e último post da série especial sobre Gramado com um tema que amamos.As comprinhas foram feitas sim, mas com responsabilidade. Como eu já tinha exagerado antes, adquirindo coisas para a infra-estrutura da viagem, sobrou para meu maridão. Solidário ao extremo, só comprou uma touca para ele. O resto foi tudo presente para mim.Como este mês comemoramos o Dia dos Namorados, meu niver e 1 ano de casados, vou ter que abrir mão de alguns luxos. Mesmo porque saí de férias e não rola salário em junho.

Bom, mas vamos aos  mimos:

A touca em que apareço na foto foi comprada  mais por necessidade, pois nos  primeiros dias a temperatura chegou a 3 graus e não fui preparada para enfrentar tanto frio. Ela é de lã com um barrado de pêlo sintético. Um charme! Eu sou suspeita para falar, pois no inverno abuso das toucas, chapéus e boinas. Agora estou de olho em um floppy. Quem sabe alguém me dá de presente no dia 27 de junho, né? rs017.JPG

 

Da esquerda para a direita:

IMG_1672

Bota de couro  estilo montaria  do Território do Sapato, outlet que trabalha com marcas de ótima qualidade. Encontrei referências na internet antes da viagem e quis pagar para ver. Achei justo R$ 140,00 reais. Fica na Avenida das Hortênsias, em Gramado.

Na loja  de varejo da Tramontina , em Carlos Barbosa, adquiri apenas um batedor manual de aço inox da linha pela qual sou apaixonada e um dia terei todos os produtos ( La Pasticceria) só  porque todos os utensílios  tem estampa de cupcake.

Agora um produto que é puro glamour: um hidratante  da marca Essência de Fiori que tem na composição espumantes premium. Sabe aquela sensação de frescor e cheiro de quem acabou de sair do banho? É bem suave  e não briga com o perfume. A empresa que fabrica é de Bento Gonçalves, mas comprei em uma loja de presentes que fica dentro do parque temático Epopeia Italiana.

Ainda falando de cosméticos, na loja da Fragram, que já mencionei no segundo post deste especial, comprei um perfume sólido que é perfeito para levar na bolsa. A fragrância lembra muito o Chanel Nº 5. È uma lembrança muito fofa para dar aos amigos e parentes, pois a caixinha apresenta imagens dos principais pontos turísticos da região das Serras Gaúchas.Presenteei meu marido com  um Kit Car, que é  um odorizador de ambiente.

Ambas as marcas citadas também produzem cosméticos a base de uvas, que são frutas típicas da região.

Por fim escolhi este colete mara também de pêlo sintético que custou R$ 100,00 e foi o mais barato que encontrei. A blusinha de linha encontrei em uma promo . No geral, achei que os preços de Gramado não se diferenciam muito das lojas de departamentos do estado de São Paulo. Fui na esperança de encontrar peças em lã bem mais em conta, mas me decepcionei neste quesito.

Bem, pessoal, a série acabou e eu gostaria de saber a opinião de vocês. Gostaram? Ela foi válida? Comentem aqui que vou ficar feliz.

 

 

Especial Gramado- Gastronomia

IMG_3608.JPGOlá encantados

Este é penúltimo post da série especial sobre as Serras Gaúchas e já aviso que vou mostrar coisas  engordativas que  podem não fazer tão bem a saúde, mas enchem de satisfação o nosso íntimo. Se o frio já costuma dar fome, imagina o que é estar em um lugar onde tudo te remete a comilança, já  que as propagandas estão em todas as partes.

O Rio Grande do Sul possui uma Gastronomia  bastante diversificada, e nas Serras Gaúchas isso  não é diferente. E eu sou do tipo que quando viaja faz questão de provar os  pratos típicos daquele determinada região. Desta vez só  ficou faltando uma Galeteria, mas prometo incluir no meu próximo roteiro.

No primeiro dia fomos conhecer a fábrica e uma das lojas da Chocolates Prawer, que é pioneira no Brasil  em produzir essas maravilhas  de forma artesanal. Um monitor explica todo o processo, com direito a degustação de algumas variedades.

 

 

IMG_3600.JPG

061.JPG

Eu amei o chocolate quente, que é super cremoso, e pirei com um “queijo de chocolate”, que tem como ingredientes chocolate branco, queijo gorgonzola e um toque de pistache. A iguaria agridoce vai bem com um vinho, viu? Só não levei porque achei o preço meio salgado naquele momento para o meu bolso proletário rs.Mas, vou tentar comprar pela internet, porque o sabor é mesmo inigualável e minhas bichas estão assanhadas rs.

 

Reparem nas lindezas dessas latas com chocolates para presente.

Em Canela, por indicação de um guia turístico, conhecemos a churrascaria Espelho Gaúcho, onde as carnes realmente são as estrelas do lugar.

Distante  um pouco dessa região, nosso tour incluiu também a Fetina Formaio, em Carlos Barbosa, que tem os melhores queijos da vida com diversas especiarias. O que mais agradou o meu paladar foi o Itálico com um toque de vinho. Também gostei bastante do salame de Javali, que tem menos colesterol.

IMG_1670.JPG

Para o café da tarde, não existe nada melhor nas bandas de lá do que uma cuca  tradicional. Herança dos imigrantes europeus, é produzida em várias comunidades de colonos. Deu um certo trabalho garantir a minha, mas consegui matar a vontade graças a ajuda de um motorista.

IMG_3714.JPG

Agora, se vocês apreciam uma bebida , não podem  deixar de provar as cervejas artesanais de Gramado produzidas pela Rasen. Como bons apreciadores, eu e meu marido gostamos da Weizen, que tem aroma frutado, com toques de cravo e banana. Ela harmoniza bem com frutos do mar, saladas e pratos apimentados.

IMG_3679.JPG

114.JPG

Tenho muita vontade de ver  a colheita das uvas, mas como não  foi possível desta vez , de Bento Gonçalves  fica a lembrança de ter visitado uma das maiores vinícolas do país -a premiada Aurora, que dispensa apresentações.

Saúde a todos nós e até o próximo post.

Especial Gramado- Passeios

010

Fotos de Marcos de Siqueira Lima

Oi gente

Dando sequência ao especial de Turismo , o segundo post é sobre os passeios que realizamos nas cidades que compõem o roteiro das Serras Gaúchas. Conforme  mencionei no post anterior, apenas um deles foi comprado da agência credenciada pela CVC. Quanto aos demais, recorremos a  outros prestadores de serviços, visando melhores preços e também o atendimento de nossas necessidades. Fora os custos da viagem, acredito que gastamos  cerca R$ 1 mil só com passeios e alimentação. Mas creio que mesmo assim chegamos a economizar uns R$ 500,00.

Para vocês terem uma ideia, só em Gramado, onde ficamos hospedados, tem cerca de 50 atrativos.  Decidimos priorizar passeios que valorizam a cultura e história locais, pois tínhamos apenas 4 dias completos para fazer tudo. No primeiro, conhecemos no centro da cidade,  a rua coberta, que tem um projeto de paisagismo muito bacana , o Palácio dos Festivais, onde ocorre anualmente o Festival Internacional de Cinema , a Igreja de São Pedro, a Fonte do Amor Eterno, a Praça das Etnias e a Rua Borges de Medeiros, o paraíso das compras rs. Só lamento que os preços não sejam convidativos. Depois partimos com o Fumacinha ( ônibus de turismo ) para um city tour em alguns bairros e o Lago Negro.

 

031

 

 

017.JPG

 

042.JPG

041.JPG

067.JPG

044.JPGUm dos passeios obrigatórios  é o Tour Uva e Vinho, incluindo o passeio de Maria Fumaça e outras.atrações. Como um post será somente sobre Gastronomia, vou deixar para abordar a produção de chocolates caseiros,   vinhos e queijos no próximo.

De Gramado seguimos em direção a Carlos Barbosa, uma viagem que de ônibus dura cerca de 2 horas. Lá conhecemos uma das lojas de varejo da Tramontina, que tem fábricas no estado,  com cerca de 18 mil ítens vendidos com cerca de 20% de desconto. Nem preciso dizer que pirei, principalmente com a linha La Pasticceria, que tem inúmeros ítens com tema de cupcake.

085.JPG

Depois de visitar na mesma cidade uma casa típica de queijos, salames e outras guloseimas seguimos para o passeio de Maria Fumaça. Lá se vivencia a magia do trem a vapor, num passeio entre Bento Gonçalves, Garibaldi e Carlos Barbosa. Durante os 23 quilômetros de passeio, o visitante é brindado com um belo cenário da serra, e uma festa muito animada, regada a suco de uva, espumante, além de apresentações artísticas de coral italiano, tarantela, música gaúcha e  teatro. Fomos presenteados também com as entradas do espetáculo “Epopeia Italiana”, apresentado em um parque temático de Bento Gonçalves. Ficamos emocionados em conhecer por meio do cinema, peças de vestuário e performance teatral  a trajetória dos primeiros imigrantes que tiveram que fugir da Itália por causa das guerras,  e que elegeram o Brasil como porto seguro para suas famílias.

096.JPG

 

099.JPG

098.JPGNo dia seguinte partimos de Gramado para Canela de ônibus circular. A viagem é rapidinha, são cerca de 7 quilômetros.  No centro conhecemos a Catedral de Pedra e o comércio local. Depois pegamos um táxi e fomos  até o Parque do  Caracol, que cobra pela entrada com direito a passeio de bondinho, com vista para uma cascata muito bonita.

172.JPG

 

173.JPGNa véspera de irmos embora visitamos o Museu do Perfume, que pertence a empresa Fragram, e também tem entrada franca. Fomos recepcionados por uma atendente, que exibiu um vídeo de 5 minutos sobre a história da perfumaria e curiosidades a respeito de algumas fragrâncias clássicas. No espaço uma grande vitrine exibe embalagens do mundo inteiro. Em uma outra área é possível ter contato com equipamentos antigos usados na produção de perfumes. Também é possível fazer um teste sobre as fragrâncias que mais combinam com a personalidade da pessoa com base nas cores de um desenho. Achei que o o resultado do meu bateu somente  em alguns aspectos, mas achei bastante curioso. A empresa também produz cosméticos e mantém uma loja dentro da área do museu. Entre os produtos que mais me chamaram a atenção está um perfume sólido, ótimo para ser levado na bolsa, e também  uma linha de batons com cores maravilhosas. Para alegria da mulherada tem ainda hidratantes, sabonetes, aromatizadores de ambientes, entre outros ítens. E  é claro que eu não podia sair de lá com as mãos vazias, mas isto já é assunto para o último post desta série, o de comprinhas.

211.JPG

IMG_3707.JPG

 

IMG_3705.JPG

Segundo o teste, pertenço ao Grupo E

 

Outro ponto turístico que merece ser visitado é o Memorial Italiano, uma casa típica de uma antiga família,  com mobiliário,  utensílios domésticos e um porão onde se guardava ferramentas e armazenava vinhos.

270.JPG253.JPG263.JPG

Por fim conhecemos A Mina, espaço que reúne a réplica de uma mina de pedras preciosas, um museu sobre o tema e ainda uma loja mara  de semi-jóias e objetos de decoração, onde dá vontade de morar rs.

342314

Esperam que tenham gostado e aguardem mais 2 posts do especial sobre Gramado e as Serras Gaúchas.  Acompanhem  também o meu trabalho  no instagram, facebook e snapchat.

Kisses